amigo

Qual seria o perfil do amigo ideal? Para responder a essa pergunta e para fazer uma reflexão acerca das nossas amizades, convido você a pensar que talvez o amigo ideal não exista e não seja possível encontrar alguém perfeito.

Nas Sagradas Escrituras, Deus, sendo um bom Pai, quer a nossa felicidade e, por isso, “envia anjos que se acampam ao nosso redor” (Sl 34). Envia anjos disfarçados de amigos para nos alegrar e consolar (Sl 91). E como faz falta um ombro amigo, alguém para ser carícia de Deus nos dias difíceis da vida! Esse carinho não é possível virtualmente, mas sim presencialmente, pois ser amigo é ser presença.

Contudo, a internet favorece, por meio de diversos aplicativos, uma certa aproximação entre as pessoas, amenizando a saudade e a distância, mas isso não pode ser motivo para não as visitar, lanchar juntos, viajar etc. Ser amigo vai além de status e curtidas.

Por fim, a Palavra de Deus nos orienta no livro do Eclesiástico a buscar novas amizades e a valorizar os amigos que temos: “Um amigo fiel é uma poderosa proteção: quem o achou, descobriu um tesouro. Nada é comparável a um amigo fiel, o ouro e a prata não merecem ser postos em paralelo com a sinceridade de sua fé. Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor achará esse amigo. Quem teme ao Senhor terá também uma excelente amizade, pois seu amigo lhe será semelhante.” (Eclo 6,14-17).

RobertJosé Ribeiro

2º ano da etapa dos estudos teológicos:

Configuração a Jesus